Feijão Azuki

Já ouviu falar desse tipo de feijão? Entre tantos tipos que temos, o azuki, em especial, vem despertando o interesse de  pesquisadores e pessoas que buscam uma alimentação cada vez mais saudável.

imagem: padariareal.com.br

imagem: padariareal.com.br

Segundo estudos, o feijão azuki – ou ricebean – é cultivado e consumido no Oriente há milhares de anos e a China é o maior produtor mundial.

Devido ao seu valor nutricional, que inclui baixa quantidade de gordura, alto valor protéico e aminoácidos essenciais em maior concentração que em qualquer outro grão, o feijão azuki é considerado um alimento  super saudável.

Quando comparado a outros tipos de feijões, o azuki tem excelente teor de minerais como cálcio, magnésio, potássio, ferro e manganês. Além disso, estudos afirmam que há presença de compostos fenólicos, flavonóides e antioxidantes, que são protetores e agem eliminando os radicais livres, prevenindo doenças como diabetes  e até mesmo cânceres.

Pesquisas afirmam que para consumir o feijão azuki, a melhor maneira é após cozimento, pois dessa forma há a neutralização de fitatos – toxinas ou alérgenos  –  que existem na sua forma crua.

Para mim, assim como em todas as leguminosas, para eliminar os fitados do feijão o ideal é deixar de remolho de um dia para o outro (no máximo 12h!) e descartar a água antes do cozimento. Isso vai ajudar a eliminar os fitatos, o cozimento também faz essa função e a nossa própria digestão também tem essa propriedade.

O feijão azuki está ficando cada vez mais popular e presente nas dietas balanceadas. Que tal experimentar e inovar na alimentação?

Facebook Comments
Category : Alimentação
Tags :